Arquivo do mês: julho de 2010

Sexta de contos


Warning: require(/home/admin/web/blacktroop.com/public_html/application/misc/shim.php): failed to open stream: No such file or directory in /home/admin/web/blacktroop.com/public_html/vendor/composer/autoload_real.php on line 70

Warning: require(/home/admin/web/blacktroop.com/public_html/application/misc/shim.php): failed to open stream: No such file or directory in /home/admin/web/blacktroop.com/public_html/vendor/composer/autoload_real.php on line 70

Fatal error: require(): Failed opening required '/home/admin/web/blacktroop.com/public_html/application/misc/shim.php' (include_path='/home/admin/web/blacktroop.com/public_html/vendor/phpunit/phpunit-mock-objects:/home/admin/web/blacktroop.com/public_html/vendor/phpunit/php-file-iterator:/home/admin/web/blacktroop.com/public_html/vendor/phpunit/phpunit:/home/admin/web/blacktroop.com/public_html/vendor/symfony/yaml:.:/usr/share/pear:/usr/share/php') in /home/admin/web/blacktroop.com/public_html/vendor/composer/autoload_real.php on line 70

Share
Publicado em Contos | Deixar um comentário

Tarantino e o poema de Frost

Fomos ver “À prova de morte”, do Tarantino. Não gostei tanto quanto geralmente gosto dos filmes dele. Achei que tinha jeito de exercício preparatório para algo maior; um ensaio para ver o que pode dar certo ou não. Principalmente em … Continue lendo

Share
Publicado em Cotidiano | Deixar um comentário

Quem se lembra de Hedy Lamarr?

A “mulher mais linda da Europa”, disse Max Reinhardt, conhecido diretor teatral da época. Uma garota austríaca que se casou com um vienense fabricante de armas. Dá para imaginar o tipo. E acho que imaginaríamos certo porque a bela garota, … Continue lendo

Share
Publicado em Cotidiano | Deixar um comentário

Giros do mundo

Queridos: Foi muito bom receber as mensagens e telefonemas de apoio de todos vocês. Muitíssimo obrigada. Só não deixem de ler o livro do McCann. Ele merece. Vejam um trechinho: “O mundo gira. Nós seguimos tropeçando. É o suficiente.” Um … Continue lendo

Share
Publicado em Cotidiano | Deixar um comentário

Edição extraordinária: os bastidores do caso “Folha de São Paulo”

Gatilhos fumegantes de ar em defesa do lugar-comum e do chavão O jornalista Roberto Kaz, da cada vez mais execrável “Folha de São Paulo”, depois de ter sido “furado” por todos os grandes jornais e revistas, resolveu sacanear com a … Continue lendo

Share
Publicado em Cotidiano | Deixar um comentário

Sexta de Contos

O conto de hoje faz parte da série “Entreouvidos”. A frase em itálico foi a que ouvi na rua. O leite antes de derramar Tenho uma coisa pra te contar, amor – e seu sorriso ao abraçá-la se abre como … Continue lendo

Share
Publicado em Contos | Deixar um comentário

Um tesouro de verdade

Um amigo da minha cunhada escreveu um livro com todas as dicas para a descoberta de um tesouro. Um tesouro no sentido literal, aquele velho e bom sentido dos piratas, da ilha deserta, do pote no fim do arco-íris. Verdade. … Continue lendo

Share
Publicado em Cotidiano | Deixar um comentário

Definições impressionistas

Pequenas definições virtualmente impressionistas: Facebook: uma roda de conversas que será legal ou não dependendo dos amigos que estão com você na roda. Privacidade no Facebook: Alôôôôô?! O Facebook é público. O que você posta ali imediatamente vai para a … Continue lendo

Share
Publicado em Cotidiano | Deixar um comentário

Domingos de Oliveira, eu e Philip Roth

Semana passada, em uma entrevista, Domingos de Oliveira disse essa pérola: “Sou contra a morte. Acho um desaforo, uma ignomínia da natureza, uma sacanagem…” Eu também, querido. Sou contra. Como também sou contra toda essa história de envelhecimento. A pessoa … Continue lendo

Share
Publicado em Cotidiano | Deixar um comentário

Uma garota sortida

Não sei se vocês conhecem o uso do adjetivo “sortida” (variada, abastecida) da maneira como usamos em Goiás. Para nós, uma pessoa “sortida” é alguém cheio de idéias, de iniciativas, de surpresas. Laura, minha neta mais velha, é assim. Ela … Continue lendo

Share
Publicado em Cotidiano | Deixar um comentário